“Que Oliveira de Azeméis continue a ser talismã” diz Luís Sénica “Que Oliveira de Azeméis continue a ser talismã” diz Luís Sénica
Portugal está na final do 52º Campeonato da Europa de Hóquei em Patins e quis a sorte e também a competência das equipas que... “Que Oliveira de Azeméis continue a ser talismã” diz Luís Sénica

Portugal está na final do 52º Campeonato da Europa de Hóquei em Patins e quis a sorte e também a competência das equipas que a final voltasse a ser a mesma que aconteceu na última vez que uma grande competição de hóquei em patins passou por Oliveira de Azeméis, em 2003. Portugal – Itália é uma final que faz todos recuarem no tempo: “Que Oliveira de Azeméis continue a ser talismã” afirmou o selecionador nacional Luís Sénica no final do jogo com Suíça e que Portugal venceu por 8-0. O técnico elogiou o trabalho da equipa dizendo que “jogamos com a atitude que eu queria que a equipa tivesse, atacamos com critério e terminamos a partida de forma muito consolidada” e imediatamente depois Luís Sénica apontou baterias para a final: “não há outra forma de encarar o jogo que não seja para ganhar. É algo que queremos muito, trabalhamos muito. Queremos que este sábado seja o nosso dia”.

Já Gonçalo Alves, autor de dois golos no triunfo português sobre a Suíça diz que “a cada dia melhoramos mais um pouco e só temos de pensar em vencer” pedindo ainda que “os adeptos continuem a apoiar. Tem sido estupendo jogar com este ambiente e queremos que amanhã esteja melhor”.